domingo, março 7, 2021
Home Brasil Medicamento QUAL É A MELHOR DOSAGEM DE CBD?

QUAL É A MELHOR DOSAGEM DE CBD?

Inúmeras pessoas estão descobrindo como o CBD pode ajudar no tratamento da dor, ansiedade e depressão, e até mesmo em condições médicas como epilepsia e convulsões.

Ao começar sua própria jornada com este composto versátil, uma das primeiras perguntas que você deve fazer é: “Qual é a melhor dosagem de CBD?”

O canabidiol (CBD) é derivado da cannabis ou do cânhamo e atua nos receptores do sistema endocanabinóide. Ao contrário do THC – a substância psicoativa da cannabis que as pessoas fumam ou ingerem – o CBD não tem efeitos psicoativos.

Há evidências de que pode, no entanto, fornecer muitos dos benefícios da cannabis. Isso pode incluir redução da dor, redução da ansiedade, melhor sono e relaxamento e muito mais.

Para a correta dosagem de CBD, é importante levar em consideração aspectos como peso corporal, hábitos e a doença que está sendo tratada. Dessa forma, mesmo as dosagens recomendadas impressas nos rótulos dos produtos CBD podem variar de acordo com a empresa ou produto.

Além do mais, os efeitos do CBD em qualquer indivíduo dependem de vários fatores. Isso significa que a dosagem ideal para uma pessoa pode não funcionar para outra. Portanto, você não pode apenas confiar na dosagem perfeita do seu amigo, precisará ir experimentando cuidadosamente o produto escolhido para encontrar a dosagem certa para as suas circunstâncias.

Os fatores que impactam na dosagem ideal de CBD incluem a concentração de CBD no produto específico que você está consumindo; seu peso corporal e química corporal; o tipo e a gravidade da doença que você está tratando; e seu tipo de ingestão, por exemplo, se você está usando uma tintura ou vapor.

O que isso significa para quem deseja experimentar o CBD? Não se preocupe, existem muitas maneiras seguras de encontrar a dosagem adequada de CBD. Requer apenas algumas tentativas e erros, paciência e, idealmente, o conselho de um médico com conhecimentos de CBD.

Uma vez que encontrar a dosagem adequada de CBD exigirá alguma experimentação, é útil ser sistemático sobre o processo. Comece pequeno e vá aumentando gradualmente a dosagem. Este é um bom conselho para qualquer suplemento e é fácil de fazer com o CBD. Comece com a dosagem mais baixa possível para o seu peso, condição e tipo de ingestão, aumente conforme necessário até encontrar a dosagem certa.

Se você não tem certeza de como o CBD afetará sua energia, muitos recomendam experimentá-lo antes de dormir, para o caso de fazer você se sentir sonolento (um efeito colateral comum do CBD). Dessa forma, a pior coisa que pode acontecer é você ter uma ótima noite de sono.

Em caso de dúvida, sempre pergunte a um médico, especialmente se você estiver usando o CBD para tratar uma condição médica grave, como convulsões, esclerose múltipla ou artrite.

Um dos maiores fatores para determinar a dosagem é como você está administrando o CBD. Tinturas, vapores, cápsulas e comestíveis têm biodisponibilidade diferente, o que significa que alguns tipos de ingestão irão atingi-lo mais rápida ou fortemente do que outros. Isso significa que você precisará ajustar a dosagem de CBD com base em como o está consumindo.

Primeiro, vamos analisar as formas mais comuns de tomar CBD: óleos e tinturas; cigarro eletrônico; comestíveis; gomas; cápsulas; e cremes e pomadas tópicos

Portanto, alguns tipos de ingestão são mais fáceis de dosar do que outros. Por exemplo, muitos alimentos, gomas e cápsulas virão com informações específicas sobre quantos miligramas de CBD existem em cada unidade. Os óleos e tinturas, por outro lado, podem exigir mais estimativas, mas a dosagem pode, na verdade, ser mais ajustada se, digamos, você quiser aumentar sua dosagem em apenas alguns miligramas. Cremes e pomadas são provavelmente os menos precisos, por isso muitos especialistas recomendam usá-los com moderação no início.

Óleos e tinturas de CBD são geralmente ingeridos por via sublingual (embaixo da língua). Isso oferece alta biodisponibilidade, já que o CBD consegue contornar seu trato digestivo, onde parte do CBD seria filtrado. As tinturas sublinguais são administradas com um conta-gotas.

Isso pode exigir um pouco de matemática básica. Mas não se preocupe, uma vez que você tenha feito o trabalho de encontrar sua dosagem adequada, você está praticamente pronto… contanto que o produto escolhido não mude o tamanho de sua embalagem.

A maneira mais fácil de dosar óleos e tinturas sublinguais é comprar um frasco que vem com 1 miligrama por gota de concentração. Isso significa que se você pretende começar com 10 miligramas, é tão fácil quanto tomar 10 gotas.

Se isso não for possível, no entanto – é aqui que entra a matemática – você pode descobrir quantos miligramas de CBD cabem em seu conta-gotas se você souber quantos miligramas totais de CBD estão em sua garrafa, quantos mililitros de óleo/tintura são na garrafa e quantos mililitros de óleo/tintura cabem em seu conta-gotas.

Por exemplo, digamos que sua garrafa contenha 50 mililitros de tintura e 1.000 miligramas de CBD. A maioria dos conta-gotas pode conter 1 mililitro de tintura de cada vez. Então, se você consegue descobrir quantos miligramas de CBD existem em cada mililitro de tintura, você sabe quantos miligramas de CBD você está recebendo em cada conta-gotas cheio.

Então, 1.000 mg de CBD ÷ 50 ML de tintura = 20 mg de CBD por tintura de ML ou 20 mg de CBD por conta-gotas

A partir daí, você pode facilmente diminuir ou aumentar as doses uma gota de cada vez. Se você quiser começar com apenas 10 mg, basta encher o conta-gotas até a metade.

Vaporizar o CBD significa inalar o vapor de CBD que vem de um óleo. Isso significa que você pode estimar a quantidade de CBD em uma “baforada” do vaporizador usando um processo semelhante para estimar a dosagem de uma tintura de CBD. Se você souber a concentração de CBD por miligramas em seu óleo, quantos mililitros de óleo cabem em seu tanque e quantas “baforadas” você pode obter de seu tanque antes de reabastecer, você pode avaliar quanto CBD está tomando.

Um método mais simples é começar devagar – digamos, com uma baforada – e ver como você se sente. Como com qualquer outro método, você pode aumentar gradualmente para duas, três ou quantas baforadas pareça certo, reduzindo conforme necessário se você sentir que está estagnando ou começando a se sentir pior. Embora possa não ser o método de dosagem mais preciso, especialmente porque sua ingestão é influenciada pela profundidade da inspiração, ele fornece um grão mais fino para ajustar a dosagem.

Como as tinturas sublinguais, a vaporização oferece uma biodisponibilidade relativamente alta, uma vez que o vapor não passa pelo sistema digestivo.

As cápsulas são provavelmente as mais fáceis de dosar, pois geralmente vêm em unidades medidas regularmente. Verifique os rótulos dos produtos com atenção para ver quantos miligramas de CBD estão em suas cápsulas.

Existem duas desvantagens nas cápsulas: têm menor biodisponibilidade do que as tinturas ou vapor, então você pode precisar de doses mais altas para sentir os mesmos efeitos; e pode ser mais difícil ajustar sua dosagem se você estiver tentando fazer ajustes muito pequenos. Se cada cápsula contiver 10 miligramas de CBD, pode ser difícil ajustar a dosagem para menos de 10 miligramas de cada vez. Você pode, no entanto, contornar isso fazendo suas próprias cápsulas com unidades personalizadas de CBD.

Como cápsulas, comestíveis e gomas são ingeridos por via oral, oferecendo biodisponibilidade igualmente reduzida. Eles também tendem a vir em unidades dosadas regularmente, o que torna incrivelmente fácil saber quanto você está tomando em uma única peça ou goma individual (se você ler cuidadosamente os rótulos).

Uma vantagem é que alimentos e gomas podem ser mais fáceis do que cápsulas para serem divididos em doses menores, se necessário.

Cremes e pomadas podem ser os mais difíceis de dosar com precisão. Por um lado, os cremes verdadeiramente tópicos são projetados para produzir um efeito apenas no nível da pele, enquanto o CBD normalmente tem seus melhores efeitos na corrente sanguínea. 

Mesmo para um creme destinado a penetrar na corrente sanguínea através da pele, seria mais difícil produzir os efeitos desejados do que por um método com maior biodisponibilidade, como o consumo sublingual ou mesmo oral.

Sua melhor aposta é usar cremes com moderação para começar e conversar com seu médico sobre o uso. Por isso, sempre faça sua pesquisa antes de aumentar a dosagem ou tentar novos métodos de ingestão.

Uma vez que não há regulamentações oficiais de dosagem de CBD, é essencial fazer uma pesquisa cuidadosa antes de ajustar sua dosagem ou mudar os métodos de ingestão. Por exemplo, os efeitos do CBD dos alimentos geralmente duram mais do que os efeitos da vaporização, embora você possa sentir os mesmos efeitos de doses mais baixas de tintura do que dos alimentos ou cápsulas. Sendo assim, sua aposta mais segura é conversar com um médico familiarizado com os produtos de CBD, estimar a dosagem pelo peso corporal e começar com doses baixas.

Fonte: Sechat

2 COMMENTS

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here

- Advertisment -

Most Popular

Caminhada pela cannabis medicinal aconteceu em campo grande, ms, na sexta-feira 15 de novembro

Aconteceu em Campo Grande, na sexta-feira, 15 de novembro, a 1ª Caminhada Internacional pelo dia Mundial da...

Nate Díaz fumou cannabis na frente de seus fãs antes de sua última apresentação

No UFC 241, do dia 17 de agosto, o octógono contou...

Canabidiol ameniza efeitos colaterais da quimioterapia

Estudos indicam que medicamentos à base de canabidiol (CBD) podem ser aliados no tratamento do câncer, amenizando efeitos colaterais da quimioterapia. A...

As farmácias de Buenos Aires podem importar óleo de cannabis para pacientes com epilepsia refratária e receita médica

As farmácias da província de Buenos Aires assinaram um acordo para começar...

Recent Comments

MarcosOvelm on Tiras orais de CBD
WesleyvuH on NEUROLOGIA E CANNABIS