Caminhada pela cannabis medicinal aconteceu em campo grande, ms, na sexta-feira 15 de novembro

Aconteceu em Campo Grande, na sexta-feira, 15 de novembro, a 1ª Caminhada Internacional pelo dia Mundial da Proclamação da Cannabis Medicinal. O evento foi organizado pela PRO D TEA (Associação de Pais e Responsáveis Organizados pelos Direitos das Pessoas com Transtorno do Espectro Autista), em parceria com a SBEC (Sociedade Brasileira de Estudos sobre a Cannabis) – Núcleo Verde Campo Grande e, o Grupo Florescer – Pacientes de Cannabis e Saúde. O ato contou com a presença de profissionais especializados nesse tipo de tratamento e pessoas que fazem o uso de medicações que utilizam cannabis na composição. Além da caminhada, foram realizadas algumas conversas elucidatórias sobre o tema com profissionais da saúde.

Panfletos e vídeos com depoimentos foram distribuídos para desmistificar os benefícios, legislações envolvidas e o comércio do uso da cannabis em tratamentos medicinais. A presidente do PRO D TEA, Carolina Spínola Alves Corrêa, disse que pretendem aproveitar o momento para tirar as dúvidas da população. “Queremos trazer para a sociedade mais conhecimento e menos preconceito sobre o tema. São informações que podem salvar vidas. E mais do que isso, queremos com esta ação contribuir para a regulamentação da cannabis medicinal no Brasil”, explicou a presidente.

Dia mundial da cannabis medicinal – O uso da cannabis em tratamentos medicinais ganhou força na sociedade a partir de 1994. Em 15 de novembro daquele ano, a Federação de Cientistas Americanos solicitou ao governo dos EUA que acelerasse a pesquisa sobre o uso medicinal da cannabis. No Brasil, a data só é comemorada em 27 de novembro. No país, as brechas legislativas para o uso medicinal da cannabis são poucas. Apenas em 2017, foi aprovado o primeiro medicamento com canabidiol e THC, o Mevatyl, usado em pacientes com esclerose múltipla..

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here